Aulas de Dança do Ventre em Brasilia

Frevo

“Foi de fato, no Recife dos fins do século XIX, começos deste, que a música foi aparecendo, conduzindo a dança, ou a dança foi tomando corpo, sugerindo a música. É impossível distinguir bem: se o Frevo, que é a música, trouxe o Passo ou se o Passo, que é a dança, trouxe o Frevo. As duas coisas foram se inspirando uma na outra e completaram-se.” (Valdemar de Oliveira)

a52f82bc60774a06ee7e16b4ce2638ac17

A palavra Frevo nasceu da linguagem simples do povo e vem de “ferver”, que as pessoas pronunciavam “frever”. Significava fervura, efervescência, agitação. Frevo é uma música genuinamente pernambucana do fim do século XIX – acredita-se que sua origem vem das bandas de música, dobrados e polcas. Segundo alguns é a única composição popular no mundo onde a música nasce com a orquestração. Os passos da dança simbolizam uma mistura de danças de salão da Europa, incluindo passos de ballet e dos cossacos.
A dança originou-se dos antigos desfiles quando era preciso que alguns capoeiristas fossem à frente, para defender os músicos das multidões, dançando ao ritmo dos dobrados. Assim nascia o Passo. Os dobrados das bandas geraram o Frevo, que foi assim chamado pela primeira vez em 12/02/1908, no Jornal Pequeno.

263_dica
Frevo de Rua – é puramente instrumental.
Frevo-canção – é constituído por uma introdução forte de frevo, seguida de canção, concluindo novamente com frevo.
Frevo de Bloco – tocado por orquestra de pau e corda e cantado.
Passos do Frevo
Hoje já se tem catalogado mais de 120 passos diferentes da dança do Frevo. Alguns são muito famosos e consagrados como o tesoura, locomotiva, caindo nas molas, dobradiça, fogareiro,capoeira e muitos outros.

4de7f50963a1edd67c9f88908ad76b89846

Fonte:  www.olinda.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>